🎄 O espirito natalício duplicado: Pede dois calendários, utilizando o código: ADV2FOR1 . E recebe o mais barato GRÁTIS 🎄
🗓 28/07/22 👤 Daniel Kundt

Ajuste de preços a partir de Novembro: KoRo reage ao aumento de custos com ligeiro aumento de preços

Porque é que os preços da KoRo estão a aumentar? Que produtos são afetados? E o que irá acontecer aos preços da KoRo no futuro? No artigo seguinte poderás obter as respostas a estas perguntas e saber mais sobre a nossa política de preços.

Ajuste de preços a partir de Novembro: KoRo reage ao aumento de custos com ligeiro aumento de preços

O que aconteceu? A KoRo não tinha acabado de alterar os preços?

Na KoRo revemos os nossos preços regularmente, de modo de oferecer sempre a melhor e mais justa relação qualidade-preço. Ao contrário de muitos supermercados, não queremos ser rígidos, mas reagir de forma flexível e, portanto, também ajustar os preços continuamente, quando tal for necessário. Transmitimos aos nossos clientes as alterações nos preços das matérias-primas ou os nossos custos internos quando estas ocorrem. Em Maio, isto levou a um aumento nos preços de muitos produtos. 

Nessa altura, não tivemos deliberadamente em conta os aumentos previstos dos preços das matérias-primas no mercado, mas apenas quisemos reagir quando estes aumentos de custos tiveram um impacto significante na KoRo. O que é agora o caso, e é por isso que temos de aumentar novamente os preços para um grande número de produtos.

Porque estão a subir os preços da KoRo?

Como certamente sabes, desde o ataque da Rússia à Ucrânia, o mercado da energia e, sobretudo, dos alimentos mudou drasticamente. As taxas de inflação de 12,7% para os alimentos e de 38% para a energia (com efeitos correspondentes no transporte, fonte: Instituto Federal Alemão de Estatística) deixaram uma marca na KoRo. Em resumo: os nossos custos de aquisição de bens aumentaram consideravelmente. Além disso, isto ocorre numa altura em que o comércio online também tende a estabilizar após o levantamento da maioria das medidas contra o corona vírus e o início de um Verão quente, o que coloca uma pressão adicional sobre a rentabilidade. Nós na KoRo estamos portanto a reagir com um pequeno aumento de preços, o que nos permitirá cobrir parte do aumento de custos.

Que produtos serão afetados?

Apesar da subida de preços,  tivemos o cuidado de continuar a oferecer uma boa relação qualidade-preço para cada produto. Por conseguinte, não há ajustes transversais. Em vez disso, analisamos cada produto separadamente, assegurando assim que não há grandes saltos de preços, mas apenas ligeiros aumentos. Em toda a gama, o ajustamento médio é inferior a 3%, no entanto, ao nível do produto individual pode, evidentemente, ser mais elevado.

Porque sobem os preços a partir de Novembro?

Isto deve-se principalmente a motivos operativos. Basicamente, gostaríamos de alterar os preços diretamente; contudo, ajustar os preços nos 16 países onde a KoRo está presente (sim, nós também ficamos surpreendidos quando percebemos que estamos em tantos!) e assegurar que não há erros ,demora algum tempo, especialmente porque estivemos na época de férias. No entanto, decidimos informar-te mais cedo e da forma mais transparente possível.

O que acontecerá com os preços no futuro?

Aqueles que nos conhecem há muito tempo sabem que continuaremos a controlar os preços e os custos e, assim que os preços das matérias-primas e da energia o permitirem, baixaremos também os preços. Contudo, a comunicação transparente significa também reconhecer que é atualmente impossível prever se os custos irão aumentar ainda mais no futuro. Em qualquer caso, iremos manter-te informado.

Outros efeitos da guerra na Ucrânia 

Além do aumento dos custos, a guerra na Ucrânia apresenta-nos, naturalmente, novos desafios nas cadeias de abastecimento: antes da guerra, adquiríamos alguns produtos da Rússia e da Ucrânia. No caso da Ucrânia, algumas cadeias de abastecimento simplesmente avariaram-se, embora tivéssemos gostado de continuar a utilizá-las. No caso da Rússia, poderíamos ter continuado a abastecer-nos de matérias-primas, mas tomámos a decisão consciente de não o fazer e estamos agora à procura de cadeias de abastecimento alternativas fora da Rússia. Em alguns casos, isto pode significar que produtos como o creme de pinhões não estarão, por enquanto, disponíveis. Na KoRo esperamos sinceramente, que possas compreender que, na situação atual, estamos a abster-nos de encomendar a partir da Rússia, por razões óbvias.

Produtos correspondentes